Menstruação

Meninas: Estes são os 4 mandamentos do absorvente interno. Se você quer usá-lo, trate de seguir!


Apesar de ser tão seguro e eficaz quanto o absorvente externo, o tampão vaginal, assim como o coletor menstrual, ainda é muito pouco utilizado no Brasil, em comparação com a Europa e Estados Unidos.  As mulheres aqui, ainda estão bastante inseguras quanto a este “dispositivo”. O que acontece é que a maioria delas ainda não sabem usar corretamente.

A verdade é que é preciso cuidado e atenção ao usá-los. Temos aqui, os 4 mandamentos do absorvente interno. Se você os seguir à risca, nunca terá problemas e poderá usa-los em todo o ciclo, durante todos os dias de sangramento.


Primeiro: Troque-o a cada seis horas

Durante o dia, o tempo máximo aceito para ficar com o tampão é 6 horas. À noite, podemos aceitar até 8 horas. Não é bom passar o tempo porque o algodão que o compõe absorve o fluxo e, se esse sangue ficar parado ali por um tempo prolongado (mais de oito horas), existe o risco do crescimento de bactérias capazes de alterar a flora da vagina, causando infecções genitais. Se esquecer de retirá-lo por vários dias, a mulher corre o risco de inflamações também no útero e nas trompas.

Segundo: Não use se estiver com corrimento ou irritação

Se você está com algum tipo de irritação seja na vagina ou no canal da uretra, nunca use o tampão. Isso porque, durante o corrimento uma quantidade muito maior de bactérias estará habitando o canal vaginal e usar o tempão pode piorar sua saúde íntima. Então, só use se tiver com  tudo certo!

Terceiro: Verifique se a posição está correta

Para ter certeza que você introduziu o tampão corretamente, você tem que se sentir confortável. Se você ficar incomodada, significa que o absorvente está mal colocado. O lugar certo é a pelo menos 1 centímetro de distância da entrada da vagina (intróito vaginal), uma porção que é menos enervada, portanto tem sensibilidade menor.

Quarto: Trocar o absorvente se fizer cocô

Sim, isso é importante. Apesar de os orifícios nem serem tão próximos, a cordinha do absorvente íntimo costuma ficar para fora e quando você evacua, ela pode se sujar de fezes e se você não perceber, muitas bactérias estão em contato com sua calcinha e com sua vulva. Assim, mesmo que ache que não está sujo de fezes, mesmo que você tenha acabado de substitui-lo, faça-o novamente. Isso diminui o risco de contaminação da cordinha por bactérias eventualmente presentes nas fezes.

boaforma

Novidades

Topo